PARTICIPE DE UM DESTES CURSOS - FAÇA JA SUA INSCRIÇÃO

sexta-feira, 25 de março de 2011

POLICIAIS MILITARES SÃO PRESOS POR SUSPEITA DE ASSALTAR BANCO EM JULIO DE CASTILHOS.


Polícia | 25/03/2011 |
Três policiais são suspeitos de assaltar agência bancária em Júlio de Castilhos, na Região Central
O trio foi preso com fuzil que foi roubado do Exército, em 2 de março, em Itaara
Atualizada às 17h08min
Joanna Ferraz | joanna.ferraz@diariosm.com.br
A agência do Sicredi em Val de Serra, em Júlio de Castilhos, na Região Central, foi assaltada no final da manhã desta sexta-feira. Em uma estrada de chão, perto da BR-158, foram presos quatro suspeitos. Conforme a Brigada Militar (BM), três deles são policiais militares — dois do Batalhão de Operações Especiais (BOE) de Porto Alegre e um do 1º Regimento de Polícia Montada (1ºRPMon) de Santa Maria. O quarto preso é um homem de Júlio de Castilhos.

O policial do 1ºRPMon (que é um soldado temporário) foi atingido perto do pescoço durante troca de tiros com a BM, na fuga. Até as 17h, ele estava sendo atendido no Hospital Universitário de Santa Maria (Husm).

Na perseguição, o carro dos assaltantes capotou. Nenhum deles ficou ferido gravemente.

Com o quarteto, foi achado um fuzil roubado em 2 de março da 13ª Companhia Depósito de Armamento e Munição, 13ª CIA DAM, do Exército, em Itaara. O valor roubado do Sicredi não foi divulgado pela polícia.

Os policiais militares ficarão presos no Batalhão de Polícia de Guarda de Porto Alegre